2 de junho de 2005

É a conta fáchavor

Há dias eu almocei num restaurante e é estranho porque não é habitual. Costumo almoçar numa drogaria… é dos meus pais. Eles são viciados em trabalho e comemos lá ao mesmo tempo que a loja está aberta durante o almoço, não vá alguém querer comprar alguma coisa.

Nesse dia, estava no restaurante, acabo de comer e peço a conta. Eles perguntam-me se eu não queria um café ou uma sobremesa e eu disse que já estava cheio… pedi uma mousse de chocolate e um café com natas.

Depois veio a conta e eu fiquei chocado com a descrição da coisas. Além das coisas que eu pedi e comi tinha taxas especiais.

Segundo eles:

-eu tinha olhado 3 vezes para a televisão 1,50 euros
-fiz duas graçolas ao empregado do restaurante 1 euro
-toquei no pão duas vezes 1 euro
-descalcei uma vez o sapato 1 euro
-duas vezes levantei o calcanhar 1 euro
-fui á casa de banho para fazer xixi 1 euro (se fosse cocó era 2 euros)
-Tive uma hesitação (1º pedi o bitoque mal passado e depois passou a ser assim assim) 1 euro
-Dei um peido ( de pantufas) 1 euro se fosse com barulho era 2 euros.
-Limpei a minha mão á toalha 1 euro.

Chamei o empregado e pedi-lhe explicações. A minha preocupação era se se justificava cobrar as olhadelas para a televisão 50 cêntimos cada visto não estar com som. Ele disse-me que o preço da olhadela com som é de 1 euro. Eu agradeci paguei a conta e fui embora. O bife estava tenrinho como eu gosto.