25 de abril de 2008

Jogador do Boavista faz drible criativo em vez de entrada a pés juntos em protesto contra os ordenados em atraso

Os jogadores do Boavista anunciaram que farão greve ao jogo frente ao Nacional, a 20 de Abril, se não forem pagos os salários em atraso até à data. Durante o último jogo com o Vitória de Guimarães, os jogadores do Boavista já mostraram em campo o seu descontentamento face ao atraso do pagamento dos salários de Fevereiro, Março e 60 por cento dos vencimentos de Dezembro. O médio francês Fleurival provocou o choque no treinador Jaime Pacheco ao ter traído a tradição exigível a um futebolista do Boavista, que consiste no culto do anti-jogo. Em vez de chutar a bola para fora ou fazer a tradicional falta táctica a meio-campo para quebrar o ritmo do jogo, o médio optou por receber a bola colada ao pé, ao estilo de Deco nos bons tempos, e, depois de ter driblado dois jogadores, não satisfeito com tal insolência, ainda desmarcou Zé Kalanga num passe extremamente inteligente. O jogador já foi suspenso pelo clube, está proibido de frequentar as instalações do Bessa e aguarda agora a carta de rescisão por justa causa.