23 de abril de 2008

Bloco de Esquerda quer liberalização do tuning leve

O Bloco de Esquerda juntou-se a centenas de automobilistas na manifestação ocorrida no Parlamento, em Lisboa, para exigir a legalização das modificações nas suas viaturas. Segundo o BE, o crescimento do tuning e do street racing em Portugal deve-se à repressão social e à criminalização cega de todas as modificações, esquecendo as políticas de prevenção e de redução de riscos. “É hediondo que um cidadão que coloque jantes de 18 polegadas, pneus na medida 245/40 R18 no eixo frontal e 275/35 R18 no eixo traseiro, tubagens em inox, um inocente e humilde subwoofer e suspensão Koni Sport tenha o mesmo tratamento que um indivíduo que mete um intercooler no motor, modifica todo o interior do carro com recurso a carbono e dota o seu Renault Clio de um motor de 600 cavalos e velocidade máxima de 300 km/h. Para acabar com o Street Racing, é urgente legalizar o tuning leve”, afirmou Louçã.