6 de setembro de 2005

Porte-se bem, Portsmouth

Presidente do clube inglês Portsmouth: “O Benfica estava interessado na devolução do Karadas ou Karalhadas, não ma lembra o nome. Nós dissemos que não porque nesse dia toda a direcção estava amuadinha com a vida, com tesão pré-menstrual e por isso dissemos que não a tudo até ao Nuno Valente que depois lá foi para o Everton. O Benfica ainda perguntou se podíamos devolver metade do Karadas, porque metade dele ainda dá quase dois metros. Mas nós não quisémos porque precisamos de um gajo que consiga ir buscar as bolas que vão parar ao telhado”.