19 de janeiro de 2011

Cada vez mais mulheres entram no mundo do crime mas os roubos são mais delicados e existe mais afectividade e sensibilidade pelas vitimas

Depois de muitos anos de domínio masculino, as mulheres estão a começar a afirmar-se no mundo do crime. Tal como existe uma escrita feminina, existe todo um modo feminino de roubar completamente distinto do modo masculino. Ao contrário dos homens, que apenas gritam monosílabos e são incapazes de dialogar durante um roubo, as mulheres usam muito mais recursos ao nível da linguagem e da comunicação nas ameaças às vítimas. De registar que os gangues femininos são muito menos coesos que os gangues masculinos e estão sempre a mudar de elementos devido às intrigas e rivalidades típicas entre as mulheres sempre que partilham o mesmo local de trabalho.