27 de junho de 2010

Blimunda posa para a Playboy

Na senda de colocar mulheres de idade avançada na capa, a Playboy acaba de fazer uma proposta milionária a Blimunda, a vidente do romance de José Saramago “Memorial do Convento”. Após a morte de Saramago, Blimunda, que se assume como “solteiríssima” depois de ter enviuvado de Baltasar Sete-Sóis, o soldado maneta da mesma obra de Saramago, começou a ser convidada para sessões de autógrafos, já cobra um cachet superior a Rita Pereira em eventos e até já recebeu uma sms marota de Cristiano Ronaldo. Segundo o director da Playboy, Blimunda revela uma personalidade forte, gosta de transgredir, é dona do seu destino, assume sem tabus os seus impulsos profanos, tem olhos envolventes e um dom particular - a ecovisão - que lhe permite ver no interior dos corpos os males que destroem a vida e também as verdades mais profundas que corroem o mundo e os homens, o que poderá representar um potencial erótico exclusivo e desconcertante.