29 de novembro de 2007

Redução de despesas de guerra implica que militares Americanos não disparem mais tiros depois de os Afegãos estarem mortos

A Administração Bush já reagiu ao relatório de congressistas democratas divulgado que revela que os gastos reais com os conflitos foram o dobro das despesas do orçamento federal. Para baixar as despesas com a ajuda humanitária ao Afeganistão, os kits enviados pelos helicópteros americanos terão comida de cão substancialmente mais barata que a anterior. Para baixar a factura mensal de electricidade da prisão de Abu Ghraib, os militares americanos têm ordens para reduzir em 40% as cargas eléctricas sob os prisioneiros, poupando igualmente no arame electrificado, passando a amarrar, em vez do corpo todo, apenas o pénis e um só testículo dos iraquianos.