2 de novembro de 2007

Mário Nogueira da Fenprof fez menos 23 centésimos que Carvalho da Silva na prova de 400 palavras de indignação do Jornal da Noite

Os principais candidatos a substituir Carvalho da Silva estão a aproveitar as manifestações à porta da Cimeira Europeia para atingirem a fama. Apesar da boa forma actual de Carvalho da Silva na prova das 800 palavras de indignação e nas provas de dois minutos de apreensão, Mário Nogueira tem estado imparável nos lançamentos de reptos e nas provas de 300 decibéis de consternação. O actual dirigente da CGTP, detentor da melhor marca do ano de monossílabos de renitência, já expressou que nada está perdido e salientou o facto de ter uma manifestação em atraso relativamente a Mário Nogueira. Ana Avoila e Bettencourt Picanço têm desiludido mas acreditam que podem chegar à liderança da CGTP "enquanto for matematicamente possível" mas estão conscientes de que terão de golear os primeiros classificados na Cimeira UE-África para ainda acalentarem esperanças.