31 de maio de 2011

Fadista causa o choque ao dizer em entrevista que foi ela que escolheu o fado negando ter sido o fado a escolhê-la

Para se ser fadista é preciso saber cantar com sentimento e, muito mais importante ainda, saber usar o maior número de clichés nas entrevistas. Uma entrevista de uma fadista da nova geração que não cumpre os requisitos mínimos está a causar um verdadeiro Fukushima em Alfama e no Bairro Alto. A fadista, com idade inferior a 30 anos, assumiu que foi ela que tomou sempre a iniciativa de cantar o fado e que o fado manteve-se sempre indiferente e sem emitir qualquer espécie de incentivo explícito ou implícito para que a jovem decidisse dedicar toda a sua vida a cantá-lo. Pressionado por figuras proeminentes do meio, Jorge Fernando, o Presidente da Comissão Disciplinar da Liga Portuguesa de Fado Profissional, decidiu suspender a fadista durante 50 anos.

Siga o Biscoito no Facebook AQUI