17 de novembro de 2010

Milhares de portugueses são raptados para Espanha e forçados a tratar da Farmville dos patrões

A PJ resgatou esta semana dezenas de trabalhadores portugueses de FarmVille escravizados em Espanha. Os portugueses foram contratados por espanhóis que lhes prometiam um ordenado chorudo, cama, mesa e roupa lavada em troca da gestão de quintas do Farmville. “Era forçado a jogar 20 horas por dia encarcerado num escritório. Não me pagavam e não me deixavam ir embora. Batiam-me sempre que eu cometia erros no jogo ou usava truques. Cheguei a ter 20 quintas ao mesmo tempo e ainda tinha de pesquisar no YouTube músicas bonitas e recolher citações profundas de sites para postar no Facebook do patrão. E era violado por africanos sempre que não havia “likes” “, revelou um português escravizado.