29 de maio de 2010

Portugueses usaram vuvuzela para cortar os pulsos depois de jogo da Selecção

A típica vuvuzela sul-africana, além de estar a tornar-se no instrumento oficial de apoio à selecção portuguesa, está igualmente a tornar-se no instrumento oficial de automutilação depois da péssima exibição contra Cabo Verde. Milhares de portugueses estão a usar as partes mais cortantes das vuvuzelas para efectuarem cortes na pele dos braços, pernas, abdómen e coxas para aliviar a dor emocional e a desilusão. Segundo os psicólogos esta situação é perfeitamente normal. “Que porcaria de exibição. Esse Queiroz devia ter vergonha na cara. Eu também me auto-mutilei e aconselho vivamente”, afirmou um psicólogo.