9 de maio de 2006

Constâncio explica a Sócrates que o relatório tinha sido feito em dia não

O relatório do Banco Portugal deixou o Governo e o PS extremamente chateadinhos. Sócrates já sente saudades do tempo em que Constâncio se portava muito melhor. Tempo esse que foi antes da antecipação da renovação do seu mandato para que Cavaco não o despachasse. Constâncio afirmou ao Biscoito:" Eu nesse dia não estava bem e disse-o a todos os meus colegas. Estava um dia cinzento, sem sol e doía-me bastante aqui esta parte que não é bem na nuca mas é perto. Enquanto estava a fazer o relatório senti-me taciturno e depois comi uma omeleta. Mas eu já estava perdido para esse dia. Estava de tal forma que ultrapassei o dobro dos níveis médios de soturnidade da Irlanda. E olhe que o PIB deles está a crescer a olhos vistos e não é só nas férias como os putos ou o Portugal do Sócras".