10 de abril de 2009

Sócrates lança edição Monopólio de Esquerda

José Sócrates apresentou esta semana a sua versão do conhecido jogo de sociedade “Monopólio”. As regras do jogo estão completamente adaptadas ao estilo de Sócrates pós-crise/antes das eleições. Ao contrário da versão anterior, neste jogo ninguém correrá o risco da bancarrota porque o Estado, inovação desta versão, apoia todos as despesas de investimento e financia também o Banco. “Este Monopólio é igual ao que Portugal será depois da minha reeleição. Todos poderão ter Hotéis no Rossio, companhias de electricidade e as estações de TGV que quiser. O Estado ajuda. Têm multas ou dívidas? O Estado perdoa. Querem construir casas na Avenida Todi? O governo oferece. Não haverá cartões de azar para que nada possa acontecer de mal com os jogadores. Faço o convite à oposição para testar este jogo. Dou a minha palavra de honra. Com este Monopólio ninguém perde, todos ganham e serão felizes para sempre”, afirmou Sócrates.