29 de janeiro de 2008

Taxistas alentejanos organizam velórios no porta-bagagens

A actual situação da Saúde em Portugal está a provocar profundas inovações no que toca aos serviços funerários. Os taxistas alentejanos, em crise há anos, estão a aproveitar as novas oportunidades proporcionadas pelo aumento de casos em que os doentes morrem dentro do táxi a caminho do serviço de urgência mais próximo. A maioria dos porta-bagagens dos táxis do Alentejo estão totalmente preparados para os velórios pois possuem câmaras frigoríficas, onde o falecido poderá permanecer enquanto se aguarda pelo dia do funeral. Estes taxistas oferecem um conjunto de serviços como água e café gratuitos durante o velório, serviço de florista de alta qualidade, pequeno recital de musica ao vivo com trio de flauta/violoncelo/harpa, reportagem vídeo, preparação e conservação temporária do cadáver.