29 de março de 2011

Luís Amado é ministro dos Negócios Estrangeiros no Governo Sombra de Passos Coelho

Luís Amado admitiu que quem tomou a iniciativa de criar a crise política foi o Partido Socialista e afirmou que o governo anda a jogar aos dados com o destino da economia portuguesa e dos portugueses. Depois de uma intensa investigação, o Inimigo Públicou tem provas de que Luís Amado é o ministro dos Negócios Estrangeiros no Governo Sombra de Passos Coelho e está infiltrado no actual governo para minar o ambiente, tal como Costinha fez no Sporting a mando de Pinto da Costa. “O futuro do país é incerto mas o meu futuro é bem certo. Serei ministro dos Negócios Estrangeiros independentemente do partido que ganhar as eleições. Sou ministro do Governo Sombra do PSD, do Governo Sombra do CDS, do Governo Sombra do PS, do Governo Sombra de uma coligação PS/PSD/CDS, PS/BE/PCP e FMI/BCE/Merkel. E agora tenho de ir que vou ser homenageado com uma estrela no passeio da fama da São Caetano à Lapa”, afirmou Luís Amado, que também revelou que é redactor sombra do IP.

Siga o Biscoito no Facebook AQUI