16 de junho de 2008

Cidadãos auto-mobilizados querem garrafas de água fresca subsidiadas

A Associação de Cidadãos Auto-Mobilizados anunciou um mega manifesto juntando-se assim aos seus congéneres europeus. O manifesto que consiste num bloqueio de todas as passadeiras, escadas rolantes e locais de passagem de peões mereceu a rápida adesão de ciclistas, carteiros, peregrinos, vendedores de porta-a-porta e pregadores evangélicos. Segundo um dos elementos da comissão negociadora com o governo, a paralisação irá prosseguir durante a próxima semana e pretende sensibilizar a sociedade civil e os governantes para os problemas actuais dos peões. "Um peão necessita do triplo da água dos utilizadores de outros meios de transporte. Queremos água profissional e isenção de IVA para as garrafas de água. Queremos que o governo disponibilize cheques-Isostar, cheques-Frize e cheques-Gatorade para os mais pobres e necessitados, para os que percorrem maiores distâncias a pé, que tenham tendência a suar mais, para os que não conseguem boleia facilmente, para os que habitem em zonas abafadas, que façam caminhos íngremes, para os que têm tendência para ter a boca seca", afirmou um peão.