4 de março de 2008

Oposição acusa Mugabe de ter falhado inflação por 35 mil por cento de margem de erro

A taxa de inflação anual no Zimbabwe ultrapassou os 100.000%, um novo recorde mundial, muito além dos 65000 % previstos pelo governo, que tal como o executivo de Portugal, nunca consegue fazer previsões acertadas nesta matéria. A oposição ao regime de Mugabe acusa o governo de usar a previsão da inflação como argumento para não ter aumentado os ordenados da função pública em mais de 60000%, o que tem implicado uma significativa perca de poder de compra dos funcionários públicos. O governo de Mugabe atravessa a sua primeira crise de popularidade: As intenções de voto baixaram de 100% para 99,9% depois dos últimos dados sobre a economia adiarem a tão anunciada retoma, já que o crescimento do PIB será de apenas 0,00000000000000000000001% ao contrário dos 0,0000000001 previstos por Mugabe.