18 de janeiro de 2007

Carla Pinto poderá receber 2,1 milhões de euros se repartir pena de prisão de João Pinto

Os advogados representantes de cada uma das partes já reuniram para acertar pormenores. Carla Pinto queria que ambos repartissem a pena ao mesmo tempo mas Marisa Cruz avisou João Pinto que esta proposta tinha como objectivo o regresso à coabitação. O acordo foi assinado pelas partes. Cada um cumpre 50% da pena separadamente. O passe do filho, que é futebolista, é repartido pelos dois e enquanto um está de cana o outro fica cá fora a cuidar dos filhos e a continuar a fugir aos impostos.