31 de dezembro de 2010

ERC critica canais de televisão pela exibição excessiva de filme chamado 'Filme a definir'

Segundo as deliberações adoptadas pelo Conselho Regulador da Entidade Reguladora da Comunicação Social na reunião do passado dia 15 de Dezembro de 2010, existe uma gritante falta de pluralismo cinematográfico nos canais de televisão. ”Mais do que equilibrar a presença dos representantes das forças político-partidárias, os canais de televisão precisam de acabar com esse vício compulsivo de exibir milhares de vezes a longa-metragem americana de acção da autoria de Spielberg, intitulada 'Filme a definir'. E muitas vezes o mesmo canal de televisão repete o 'Filme a definir' no mesmo dia com apenas algumas horas de diferença. Não estou a questionar a qualidade desse filme. Mas com tantos filmes interessantes que existem por aí, não faz sentido estar sempre a repetir o mesmo”, disse ao Inimigo Público o presidente da ERC, José Azeredo Lopes.