29 de maio de 2008

Saramago exigiu que legendas de "Blindness" não tivessem pontuação

O filme Blindness, realizado pelo brasileiro Fernando Meirelles, a partir do livro de José Saramago "Ensaio sobre a cegueira" publicado em 1995, abriu a edição deste ano do Festival de Cannes. José Saramago já visionou o filme e teceu grandes elogios ao filme. "O filme respeita a minha obra literária. As legendas são como a minha escrita, já que são compostas por frases longuíssimas com vírgulas em vez de pontos finais, sendo que os pontos só aparecem duas vezes durante as duas horas de filme, tal como eu tinha pedido. Tal como na minha escrita, as legendas também moem a paciência do espectador porque, de vez em quando, as palavras aparecem começadas por maiúsculas a seguir às vírgulas. Se na minha escrita falta no texto o travessão para identificar o interlocutor no diálogo, isso está bem representado no filme, já que sempre que as personagens falam, o espectador não sabe quem são porque, ou estão mascaradas, ou durante a fala a personagem não aparece no ecrã, ou a voz dessa personagem é de outra pessoa para que o espectador não perceba", afirmou o escritor orgulhoso.