2 de maio de 2008

Espectador do Festival Indie reclama indemnização depois de ter visto filme com história muito acessível

A edição deste ano começou ontem e irá prosseguir até 4 de Maio no Fórum Lisboa, Teatro Maria Matos e cinemas Londres e São Jorge. Apesar da boa afluência registada ontem, o Festival poderá ficar prejudicado com a má publicidade do desagrado mediático de um espectador que, depois de ter assistido ao filme "The Mission", de Johnie To, cineasta de Hong Kong, que foi exibido ontem no Cinema Londres. O espectador já terá consultado um advogado para pedir uma indemnização depois de ter recusado a proposta de restituição do dinheiro por parte da organização. "Estou muito desiludido, pois acabei de assistir a um filme não panfletário. Onde é que está o vazio das personagens? Onde é que está a tensão implícita e o final abrupto em que a história fica sem resolução? Onde é que está o estilo árido, quase documental, dos actores, as suas falas vagas e os seus monólogos dissonantes e repetitivos? Este filme não é merecedor de estar num Festival destes", afirmou o espectador insatisfeito.