12 de janeiro de 2006

O problema das lesões afecta todas as "modalidades desportivas"

César Peixoto lesionou-se gravemente e vai ficar afastado dos relvados até ao final da época. Pinto da Costa afirmou: "Estamos no mercado a observar vários rapazes que fazem essa função para substituir o César Peixoto enquanto ele está lesionado. Para essa posição só temos o Marek Cech que é ainda novo e inexperiente mas tem potencial. Vamos certamente usá-lo mas não chega. Precisamos de assegurar alguém com provas dadas, que entre de estaca aqui e que se adapte ao nosso estilo. Terá é de ser pelo preço justo porque não estamos para loucuras. Estou a tentar o Leandro que é bom, rápido, compensa a falta de habilidade com muito esforço mas o Cruzeiro precisa dele. Nesta altura é sempre assim, os bons ou são difíceis de encontrar ou já estão colocados, ou não querem mudar do clube onde estão ou querem logo um clube de maior projecção. Eu queria era o Ashley Cole do Arsenal porque esse é perfeito mas isso é sonhar muito alto".

Isabel Figueira também comentou: "O César Peixoto é o meu marido e agora lesionou-se. Estou no mercado a observar vários rapazes que fazem essa função para substituir o César Peixoto enquanto ele está lesionado. Para essa posição só tenho o Marek Cech que é ainda novo e inexperiente mas tem potencial. Vou certamente usá-lo mas não chega. Preciso de assegurar alguém com provas dadas, que entre de estaca aqui e que se adapte ao meu estilo. Terá é de ser pelo preço justo mas hoje nenhum homem compensa uma mulher financeiramente como antigamente. Eles não querem cometer loucuras. Estou a tentar o Leandro que é bom, rápido, compensa a falta de habilidade com muito esforço mas a mulher dele já disse que não o dispensa nem sequer umas semanitas. Nesta altura é sempre assim, os bons ou são difíceis de encontrar ou já estão comprometidos, ou não querem mudar do clube onde estão (Gays) ou querem logo uma Giselle Bundchen. Eu queria era o Ashley Cole do Arsenal porque esse é perfeito mas isso é sonhar muito alto".