22 de outubro de 2008

Indivíduo falido deseja ser nacionalizado e colocou alma à venda no eBay para Estado português licitar

Um indivíduo de 44 anos, residente em Odivelas, decidiu colocar a sua vida à venda no eBay. Com base de licitação de um euro, o vencedor do leilão ficará com um cadastro vergonhoso no Banco de Portugal, será responsável por pagar quatro pensões de alimentos de filhos de relações extra-conjugais, a mensalidade de uma viatura já com 6 prestações atrasadas em situação de pré-contencioso, a prestação da própria casa e metade da prestação de uma casa em Frielas, residência da filha divorciada e desempregada. Segundo as últimas licitações, o indivíduo deverá ser nacionalizado por cerca de 230 euros.