28 de março de 2007

Al Jazeera vai ter provedor do terrorista

A estação Árabe quer aumentar a credibilidade junto dos espectadores, consciente que a maioria da sua audiência são terroristas que gostam de acompanhar e festejar os seus feitos a partir de imagens emitidas pela canal. Apesar de ser o programa mais visto da Al Jazeera, a Tertúlia da Jihad, programa tablóide que fala de boatos e da vida privada de terroristas, tem sido alvo de queixas de muitos profissionais do terrorismo. Um dos mais consagrados terroristas vai processar um dos colaboradores da Tertúlia por este ter levantado a hipótese de a sua mulher estar grávida. “Falhei o meu atentado porque essa notícia baralhou a minha vida pessoal. Há tempos esse programa já tinha apresentado uma lista confidencial sobre futuros atentados. Os Americanos assistiram ao programa e tivemos de cancelar as datas”, afirmou o manilha de espadas.